Irrita-me as pessoas que vivem única e exclusivamente a dizer este tipo de coisas!

quarta-feira, julho 09, 2014 Ariadne 0 Comments

"1. Se eu tivesse mais tempo eu faria “isso”.
Como “isso” entende-se qualquer coisa que não fazemos por falta de tempo. Pode ser um curso de línguas, exercícios físico, sair mais com os amigos, ler um livro, fazer caridade, não importa. Falta de tempo (e o trânsito) tornou-se a desculpa universal para justificar o facto de que não somos disciplinados quando o assunto é gerir as 24 horas do nosso dia. Uma coisa que eu aprendi é que quando queremos REALMENTE fazer uma coisa, arranjamos tempo, por mais ocupado que estejamos.
A questão aqui é que, ou queremos muito uma coisa, ou não queremos assim tanto e o tempo não pode ser a desculpa para não o fazer. 
Aí dizemos, “Mas eu juro que eu não tenho tempo para nada, a minha vida é trabalhar.”
Eu acredito, mesmo! Só que ser ocupadíssimo também é uma escolha. Nós investimos o nosso tempo naquilo que é importante para nós, por isso, se estás estás a  trabalhar  oitenta horas por semana, é porque tens alguma coisa que queiras mais do que tudo e que vai ser resultado desse tempo investido no trabalho. E assim, estás a deixar de fazer outras coisas que no fundo não devem ser tão importantes assim.

2. Se eu tivesse mais dinheiro eu poderia fazer “isso”.
O dinheiro sempre foi a maior desculpa para tudo na minha vida. “Não faço exercícios porque não tenho dinheiro para academia. Não falo inglês porque não tenho dinheiro para pagar um professor particular. Não mudo da casa dos meus pais porque não tenho dinheiro para pagar a renda”. Um monte de mentiras. É claro que muita gente realmente tem um orçamento apertado. 
Usamos a falta de dinheiro para nos convencer de que nossa vida não é incrível porque vivemos numa sociedade injusta e desigual onde os ricos podem tudo e os pobres não podem nada. Mas eu vou-te dizer uma coisa, queres fazer exercício? Todos os parques são gratuitos. Quer estudar uma língua? Hoje é possível fazer isso de graça na internet através de sites como o Duolingo. Quer viajar? Existem sites como o Couchsurfing em que podes dormir em casa delas sem ter de pagar nada por isso.
É claro que estes são alguns pequenos exemplos, mas são coisas das quais eu ouço mais as pessoas reclamarem de que não podem fazer sem dinheiro. Além disso, quando prestamos mais atenção em como gastamos nosso dinheiro, fica mais fácil de fazer com que ele não desapareça.

3. Se “isso” acontecesse, minha vida seria perfeita.
Aqui o “isso” pode ser comprar uma casa, encontrar um namorado, ter um filho, ser promovido no emprego. O nosso grande problema é que o “isso”, nesse caso, nunca será suficiente. É a lei da vida. O ser humano nunca está totalmente satisfeito com o que ele tem e está sempre querendo algo mais para ser feliz. Parece que é essa coisinha que falta que nos impede de ter uma vida completa.
O problema é que, quando estamos sempre olhando para o que está por vir, deixamos de aproveitar e agradecer pelo que temos hoje. Mas eu não vou te dar o conselho óbvio da auto-ajuda que é viva o presente e agradeça pelo que você tem hoje. A minha dica é: usa essa necessidade que é inerente ao ser humano de sempre querer o que não tem como motivação, e não como a razão pela qual tu não é feliz. Aprecia o desafio de correr atrás desse objectivo e deixe que isso te faça feliz e não que a falta “disso” te faça infeliz.

4. Eu não vivo sem “isso”.
A verdade é que tu consegues, sim!
Não existe nada que tu não te vás a acostumar a viver sem, desde coisas até pessoas. Certamente podemos passar por um período de nostalgia ou saudade, mas depois de um tempo a vida se ajeita e de alguma forma compensa aquela falta.
O que nos faz ter a sensação de que “isso” é tão importante para a nossa vida ao ponto de não conseguirmos viver sem é que, muitas vezes, colocamos em coisas ou pessoas a responsabilidade da nossa felicidade.
A grande verdade é que nossa vida é feita de uma enorme lista de boas intenções que resultam algumas vezes em tentativas e muitas vezes erros. A boa notícia é que se tu acordares amanhã, existe uma nova chance de tentar mais uma vez ;)."

0 comentários :

Partilhem a vossa história comigo. Todos os comentários serão respondidos nesta página, por isso toca de selecionar a opção "Notificar-me" no cantinho direito ;)