As pessoas têm memória curta

quarta-feira, janeiro 14, 2015 Ariadne 1 Comments

Isto vale para tudo: trabalho, amizades, relações, família. No caso da família e das relações por vezes é diferente; dependendo do que está em questão, as famílias e a outra metade da relação lembra-se de questões antigas, por mais resolvidas que estejam.

Hão de reparar que isto é verdade: podemos fazer um ótimo trabalho durante um ano; no entanto, se nos últimos tempos acontecer algo mau no trabalho, ou se fizermos algo mal, a entidade patronal lembra-se é desta última querela ou erro. É quase como se o empenho anterior tivesse sido esquecido. 
A minha vizinha é ruim que nem as cobras, e mesmo estas são boazinhas. Teve um mini-AVC há dias; a minha mãe parece esquecer-se de todas as coisas más que ela fez ao longo dos anos. Um acontecimento mau não perdoa uma vida inteira de maldade. 

A memória curta é particularmente válida para os acontecimentos negativos, no entanto, de vez em quando também acontece com os acontecimentos bons. Um fim de semana romântico pode apagar, nem que seja temporariamente, uma semana má. 

Por isso, tenham sempre em atenção: as pessoas têm tendência a lembrar-se da última coisa má ou mal feita que fizeram, mesmo que tenham sido as melhores pessoas ou profissionais do mundo. Façam questão de resolver logo os problemas para, pelo menos, ficarem em paz com o assunto, e não andar constantemente a remexer em águas recentes para que não seja este último acontecimento negativo a definir o vosso futuro mais próximo (e quem sabe longínquo também; depende da gravidade do acontecimento).


INSTAGRAM     |     BLOGGING.PT     |     BLOGLOVIN

1 comentário :

Partilhem a vossa história comigo. Todos os comentários serão respondidos nesta página, por isso toca de selecionar a opção "Notificar-me" no cantinho direito ;)