Challenge accepted

terça-feira, setembro 29, 2015 Ariadne 2 Comments

A Tété passou-me o próximo desafio para responder. Passem no blogue dela (Ando lá por fora... volto já) para verem as suas respostas!

Sou muito: controladora, ansiosa, impaciente, apaixonada pelas minhas gatas/namorado/família, "papa-séries/livros/filmes" que verdadeiramente me cativam (li um livro de 1000 páginas numa semana, mesmo trabalhando)

Não suporto: coisas desarrumadas, sentir-me zangada, não poder dizer certas coisas como elas são, bacalhau à brás

Já me zanguei: por muito, muito pouco

Quando era criança: era mais feliz, passava os verões numa pequena casa de praia onde só se chegava de barco, brincava até ao pôr-do-sol na rua, adorava o filme "Gorilas na Bruma".

Morro de medo de: sofrer, perder a minha mãe, acontecer algo terrível ao D*, aos meus sobrinhos ou à minha irmã, da morte.

Sempre gostei de: gatos, livros de fantasia/romance histórico, Natal (Está quaaaaaaase!)

Se eu pudesse: oferecia tudo o que a minha mãe sempre quis

Adoro sentir-me: realizada e apaixonada

Não gosto: ui, demasiado longa para aqui. Só um bocadinho então: dos meus medos, das minhas ansiedades, da hipocrisia dos outros (com a minha lido eu), de desapontar os que mais amo, de tomar decisões difíceis, de ter a casa desarrumada, dos vizinhos, de ter um carro por pagar, de ter pouco dinheiro, de doenças, de certas pessoas que atendo todos os dias, de ter de ter paciência, de "engolir sapos", de não ter os meus sonhos realizados, etc etc

Fico feliz: ultimamente não me tenho sentido feliz, feliz, mas quando estou no meio da Natureza, quando o céu está tempestuoso, quando o D* me abraça quando me sinto insegura/preocupada, quando vejo a minha mãe sorrir, quando o meu sobrinho ri

Se pudesse voltar atrás no tempo: nem sei bem; não penso que haja algo que gostasse a sério de mudar, mas talvez gostasse de ter aproveitado melhor certos momentos da minha vida

Quero viajar: quero viajar, ponto! Sinto uma necessidade tão grande de conhecer o Reino Unido, de ver as paisagens que tanto me inspiram e cativam

Eu preciso: de ser menos ansiosa, de desfrutar mais a vida, de dizer "amo-te" mais vezes

Não gosto: de pensar no que pode acontecer de mal a quem amo.

Caras SAVteardrop e Audrey, e caro homemsemblogue: é a vossa vez ;)


2 comentários :

Partilhem a vossa história comigo. Todos os comentários serão respondidos nesta página, por isso toca de selecionar a opção "Notificar-me" no cantinho direito ;)