Adenda

terça-feira, janeiro 19, 2016 Ariadne 2 Comments

Eu não sei o que se passa, mas aparentemente não dá para entrar e comentar no post anterior. Peço desculpa por isso, não sei o que se passa nem porque é que isto acontece. Por isso, quaisquer comentários que tenham a fazer podem fazer neste post. Desculpem e obrigada

2 comentários :

  1. Desde que li este post que tenha andado para o comentar e vou aproveitar o sono da bebé senão nunca mais. Acredito bastante que o teu mau feitio venha dos exemplos que tens em casa. :) De alguma forma aprendeste que é assim que se reage quando algo te irrita e não sabes fazer de outra forma. Percebi isso quando dizes "é claro que uma boa discussão liberta a tensão" (ou algo parecido). Não podia concordar menos. :D Em minha casa nunca se gritou e discussões só mesmo entre mim e o meu irmão quando éramos mais novos. Quando havia algum problema, os meus pais sentavam-se connosco e falavam connosco, pedindo-nos que explicássemos o que nos estava a irritar, e conversando as coisas resolviam-se. Foi este o meu exemplo e a verdade que nos dias de hoje discutir ou gritar com alguém é que me deixa com uma crise de nervos enorme. :P

    Mas continuando: não sou nenhuma santa, também me irrito sobretudo com a estupidez humana, mas já pensaste que talvez te irrites porque dás demasiada importância às coisas? Sei lá, na última semana ou mês, faz uma lista de todas as coisas que te irritaram e quantas vezes. E tenta ver se pelo menos consegues mentalizar-te que uma delas não é assim tão importante que mereça que te irrites com isso. Sei que é fácil falar, até porque não sei verdadeiramente o que é que te irrita :D, mas é uma dica. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens imensa razão, irrito-me e liberto a tensão da mesma forma que via o meu pai fazê-lo com outras pessoas (connosco nunca levantou a voz). Irrito-me porque dou importância e principalmente porque eu sei que as coisas dão para fazer de certa forma e irrita-me que,se eu me dou ao trabalho de fazer ou tentar fazer minimamente bem feito, porque é que os outros não fazem esse esforço também? Bem sei que cada um tem a sua forma de agir e de trabalhar, e é nessa aceitação e paciência que ando a trabalhar

      Eliminar

Partilhem a vossa história comigo. Todos os comentários serão respondidos nesta página, por isso toca de selecionar a opção "Notificar-me" no cantinho direito ;)